Maconha mata células cancerígenas cerebrais

Já foi o tempo em que os proibicionistas se apoiavam no argumento que o consumo de maconha mata neurônios. Na verdade ela não só não os mata, como os protege, além de ajudar no desenvolvimento cerebral. Cada dia que passa novos estudos são feitos e os mitos caem por terra. Essas pesquisas também estão servindo pra mostrar ao homem, novas alternativas para tratar as mais diversas doenças, inclusive o câncer.

Prova disso é um estudo publicado no Journal of Clinical Investigation onde se descobriu que o THC (delta-9-tetrahidrocanabinol) – o principal componente da maconha – pode matar células de câncer do cérebro, causando-lhe uma espécie de auto-digestão.

Os pesquisadores do estudo examinaram ratos submetidos à implantação de células cancerígenas humanas, e também indivíduos humanos com tumores cerebrais. O que puderam verificar é que o THC faz com que as células cancerígenas passem por um processo chamado autofagia; de acordo com a WebMD, autofagia é o “colapso de uma célula que ocorre quando ela essencialmente se auto-digere”.

“Estes resultados podem ajudar a desenvolver novas terapias contra o câncer baseados no uso de medicamentos que contenham o principio ativo da maconha e/ou na ativação da autofagia”, diz Guillermo Velasco, co-autor do estudo.

Vale acrescentar que os pesquisadores não encontraram nenhum efeito negativo associado ao THC administrado, tanto aos ratos quanto aos humanos durante o estudo, realizado pelos pesquisadores da Universidade Complutense na Espanha.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s