THC pode ser alternativa no tratamento da anorexia

IMG-2130

A Anorexia Nervosa é uma doença que aflige milhares de mulheres no mundo.

Resultados de um estudo clínico de 3 anos confirmam (pela primeira vez) que o THC ajuda pacientes com anorexia nervosa a ganhar peso.

Sabe a famosa larica? Então, talvez ela possa ser a chave para o tratamento da anorexia. É o que conclui um recente estudo feito por pesquisadores do Centro de Transtornos Alimentares, do Hospital Universitário de Odense, na Dinamarca. O estudo foi publicado mês passado no International Journal of Eating Disorders e indica que o THC pode ser a chave para tratar esse problema que aflige tantas mulheres ao redor do mundo.

A anorexia nervosa é uma doença que afeta as mulheres muito mais frequentemente do que os homens, provocadas por um medo irracional de ganhar peso, levando-as a ingerir pouquíssimos alimentos (além vomitar o que comeram) e a uma crítica perda de peso, resultando numa pior qualidade de vida.

Para este estudo os pesquisadores monitoraram 24 mulheres com casos graves de anorexia, dando-lhes comprimidos de THC sintético (dronabinol) e placebo. Os resultados divulgados são impressionantes.

“A terapia com dranabinol foi bem tolerada. Ao longo de quatro semanas de acompanhamento, o tratamento induziu à um ganho de peso pequeno, porém muito significativo, e ausência de efeitos colaterais graves.”

As pacientes foram dividias em dois grupos e receberam 4 semanas de dranabinol todos os dias e na sequência 4 semanas de placebo todos os dias, com um intervalo de 4 semanas entre os dois.

Em média, as pacientes ganham cerca de 0,73 gramas durante as 4 semanas que receberam THC comparando com as 4 semanas que receberam placebo. Ainda que seja uma modesta melhora, os pesquisadores afirmam que um período de tratamento mais longo trará benefícios mais significativos.

Nesse estudo os efeitos colaterais não foram medidos oficialmente, mas os pesquisadores relataram efeitos mínimos. O resultado do acompanhamento de um anjo também confirmou a segurança no tratamento com THC.

Registros de peso coletados até um ano depois da pesquisa indicaram que as pacientes continuaram a melhorar e ganhar peso, sem desenvolver nenhum tipo de dependência ou sintomas de abstinência, sugerindo que o THC é bastante seguro para os pacientes com anorexia nervosa de longa data.

Segundo os autores do estudo, esta pesquisa é a primeira em mais de 30 anos a investigar o potencial do THC para anorexia nervosa. Estudos anteriores sobre THC e ganho de peso tinham envolvido apenas pacientes que sofrem de anorexia causada por doenças como câncer e AIDS.

No entanto, devido à pequena amostra do estudo, os pesquisadores afirmam que são necessários mais testes e estudos maiores antes que o THC possa ser recomendado como tratamento para anorexia nervosa. Talvez possa até ser, no sentido oficial da coisa. Mas pra muita gente, essa pesquisa apenas comprova aquilo que já sabíamos: maconha dá muita larica e ajuda no tratamento de inúmeras doenças. Se a doença for falta de fome então…

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s