Óleo de Maconha: a cura do câncer

O que é o Óleo de Maconha (Hemp Oil, RSO)?

post-211-0-33615000-1335723713

Óleo de Maconha (Hemp Oil, RSO).

O Óleo de Maconha é provavelmente o melhor medicamento existente no planeta, a julgar pela variedade de aplicações, benefícios e efeitos colaterais mínimos. Como uma fênix que renasce das cinzas, o tratamento à base de óleo de maconha vem desafiando os pré-conceitos médicos estabelecidos pelo proibicionismo, porém salvando vidas e espalhando a cura do câncer pelo mundo.

O “Óleo de Maconha” (Hemp Oil, RSO) é um extrato feito a partir de flores secas, que pode ser utilizado topicamente (direto na pele), por ingestão ou inalação. Trata-se de um óleo de aparência escura, grudento e viscoso, contendo um altíssimo nível de CBD (canabidiol), princípio anticancerígeno e  não-psicoativo da maconha.

Se destaca pela facilidade de produção e fácil acesso às pessoas, diferente dos caros tratamentos de quimioterapia convencionalmente adotados nos casos de pacientes com câncer. Estamos falando de um medicamento alternativo natural, de melhor resultado e que pode ser cultivado no quintal de casa. Isso significa independência e acesso à um tratamento digno mesmo por aqueles que não podem pagar pela tão cara quimioterapia.

Pode parecer chocante para algumas pessoas ouvirem “a maconha cura o câncer”, mas o fato é que ela cura sim. Ela contém dezenas de canabinóides que trabalham em conjunto pela melhora do funcionamento do nosso corpo, inclusive eliminando células cancerígenas e protegendo as saudáveis. Dezenas de pesquisas nos últimos anos vem demonstrando a eficácia da maconha no combate a câncer, não só como complemento, mas como tratamento principal.

Provavelmente, o Óleo de Maconha é o pior pesadelo da Indústria do Câncer, que vem lucrando há décadas com o tratamento químico. Mas com o avanço das pesquisas médicas e alcance mundial da internet, a informação não está mais restrita à poucas pessoas e milhares de pacientes já se beneficiam com o Óleo de Maconha.

 

Rick Simpson e a (re)descoberta do óleo

Rick Simpson (re)descobriu a cura do câncer através do Óleo de Maconha.

Rick Simpson (re)descobriu a cura do câncer através do Óleo de Maconha.

O que a indústria farmacêutica faria se descobrisse a cura do câncer? Provavelmente iriam patentear esta cura, para produzir em grande escala e lucrar muito dinheiro com as vendas do medicamento. Talvez até fosse esse o destino do Óleo de Maconha (Hemp oil), mas graças à um homem, hoje a receita do óleo que cura o câncer é conhecida e disseminada sem restrições pelo mundo.

Estamos falando de Rick Simpson, ativista canadense responsável por promover a cura do câncer na forma de óleo de maconha. Após perder um primo querido por conta de um câncer, e ele próprio ser diagnosticado com câncer (cerebral e de pele), Rick Simpson re-descobriu o óleo de maconha ao se curar com este medicamento.

Ele aperfeiçoou a técnica de produção e começou a difundir esse tratamento pelo mundo inteiro. Por isso o Óleo de Maconha (Hemp Oil em inglês) também é chamado de RSO, abreviatura de Rick Simpson Oil (Óleo de Rick Simpson). Hoje, Simpson é um dos principais ativistas que lutam pela legalização da maconha e o reconhecimento do Óleo de Maconha.

Por conta disso, Rick Simpsom ganhou forte oposição da parcela mais conservadora da sociedade, sofre uma tremenda falta de apoio por conta das autoridades e ainda enfrenta o ódio da industria farmacêutica, agências governamentais e até mesmo da própria ONU. Será que é porque ele está divulgando uma maneira de curar o câncer sem gastar milhares de dólares e sofrer os terríveis efeitos colaterais da quimioterapia? Na verdade, é mais por estar fazendo eles perderem dinheiro mesmo.

Simpson também produziu um documentário chamado “Run From The Cure” (Fugindo da Cura), onde ele aborda a questão do tratamento a base de óleo e como é mais benéfico que a quimioterapia, como também ensina a produzir o óleo. Saiba mais sobre Rick Simpson e sua importante (re)descoberta, clicando aqui.

 

Eu vou ficar “chapado” ao usar o Óleo de Maconha?

Se você seguir corretamente as instruções de produção, é pouco provável que sinta efeitos psicoativos através do óleo. Além da quantidade indicada para o consumo ser muito pequena, é aconselhável utilizar apenas plantas com forte linhagem Indica, ou seja, baixo nível de THC e rico em CBD. Dessa forma, é garantido que o óleo será rico em canabidiol e terá pouquíssimo efeito psicoativo.

 

Eu vou ficar viciado?

Não! O Óleo de Maconha não causa dependência no organismo e seu corpo não vai pedir mais. É um medicamento seguro para ser aplicado à qualquer condição médica.

 

Este é o mesmo óleo produzido de sementes de cânhamo?

O Óleo de Maconha (Hemp Oil, RSO) é produzido a partir das flores secas da maconha, preferencialmente das linhagens indicas. Já o óleo essencial da semente, é produzido para ser utilizado na alimentação. É vendido por lojas de alimentos saudáveis, por ser rico em vitaminas e óleos essenciais para nossa saúde, como o ômega 3 e 6.

 

As plantas de maconha são todas iguais?

Não, elas são basicamente de três espécies diferentes: as Sativas, as Indicas e as Ruderalis. A canábis Sativa, possui alto índice de THC e é aconselhada para casos de depressão ou em que o paciente precise de uma “energia extra”; a canábis Indica, é fica em CBD e é a mais indicada para o tratamento de câncer e dores, pois possui um forte efeito corporal e de relaxamento; já a canábis Ruderalis não é boa para nenhum tipo de tratamento médico, sendo mais indicada para a utilização industrial.

 

Como produzir o Hemp Oil?

post-333824-13687285656011

A cura está ao alcance de qualquer pessoa.

Existem basicamente três tipos de maconha: Sativa, Indica e Ruderalis. A canábis ruderalis tem pouquíssimos agentes psicoativos e praticamente não é utilizada para outra finalidade que não seja a industrial; a linhagem Sativa é a mais conhecida e é rica no psicoativo THC, principal canabinóide da maconha; e por fim temos a canábis Indica, que é uma variação oriental da maconha e possui altos índices de CBD, o principal agente anticancerígeno da maconha.

O Hemp Oil deve ser feito a partir de linhagens indicas, pois o que se busca é uma alta concentração de CBD. Linhagens de sativas irão produzir um óleo muito energético, enquanto o óleo de linhagens indicas tem como efeitos a sensação de relaxamento, sono e descanso.

1. Coloque as flores secas em um recipiente de plástico, misture com um solvente (nafta pura ou álcool isopropil 99%) e amasse as flores.

2. Quando as flores estiverem amassadas, acrescente mais solvente, até que o material fique completamente coberto.

3. Mexa bem o conteúdo para deixar o THC se dissolver no solvente. Esse processo demora de 2 a 3 minutos.

4. Drene o solvente da matéria prima e passe por um filtro de café.

5. Agora, o solvente tem a cor de gasolina, por conta do óleo de maconha contido nele. portanto você precisará ferver esse extrato para que o solvente evapore.

6. Tenha certeza de que a área que você vai ferver o solvente seja bem ventilada. A idéia é eliminar os gases do solvente fervente, para reduzir o perigo de explosão ou fogo.

7. Cuidados especiais devem ser tomados para evitar elementos vermelhos de calor, ou uma faísca de qualquer tipo que pode dar ignição aos gases do solvente.

8. Uma cozinheira de arroz elétrica ferve o solvente de maneira muito eficaz.

9. Coloque um pouco do solvente/óleo na panela e cozinhe até ferver. Conforme o solvente for evaporando, acrescente mais da mistura para que seja fervida, até evaporar tudo.

10. Quando acabar com a mistura a ser fervida e todo o solvente tiver evaporando adicione de 8 a 10 gotas de água. Como o ponto de ebulição da água é bem maior que o do solvente, essa água que foi usada permite que o solvente seja evaporado enquanto o óleo engrossa.

11. Quando todo o solvente tiver evaporado, uma boa ideia é levantar a panela e manter o seu conteúdo em movimento. isso ajuda a remover qualquer parte restante de solvente e também protege o óleo de muito calor. Em nenhum momento a temperatura do óleo deve ultrapassar os 98ºC.

12. Gentilmente, passe o óleo da panela para um pequeno recipiente de metal. Coloque esse recipiente em um desumidificador ou algum aparelho que o aqueça gentilmente, como à um café. Pode ser que demore algumas horas para evaporar toda a água do óleo.

13. No final, não deve existir nenhum tipo de borbulha ou outra atividade na superfície do óleo. quando o óleo estiver quente, ele deve ser bem líquido, mas quando estiver frio, a consistência deve parecer com a de graxa espessa.

Normalmente 500g de flores secas de boa qualidade produzem por volta de 50g de óleo do mais alto padrão. Ingerir essa quantidade de óleo em um período de 2 a 3 meses é o suficiente para curar a maior parte dos tipos de câncer*.

*Não aconselhamos a substituição do tratamento quimioterápico pelo tratamento à base de óleo de maconha, sem a prévia consulta de um médico oncologista. Consulte sempre seu médico.

Assista ao passo-a-passo:

 

 

Tutorial em português produzido pelo Jornal Canábico:

 

 

 

Como administrar o óleo?

O Óleo de Maconha concentrado, pode ser utilizado por inalação, ingestão ou topicamente. Em casos de doenças internas, é recomendável a ingestão ou vaporização do óleo. Já no caso de enfermidades externas, a aplicação tópica é a mais aconselhável. Além disso, o óleo ainda pode ser adicionado à cremes e pomadas para tratamentos de beleza e outros usos externos.

 

Esperamos ter contribuído com a divulgação dessa maravilhosa receita por terras tupiniquins. Sabemos que, por conta do proibicionismo que impera em nosso país, é extremamente difícil conseguir produzir Óleo de Maconha no Brasil. Mas isso não é motivo para desanimo ou desespero. Mesmo nessas condições, existem pessoas que conseguem produzir quantidades mínimas de óleo e utilizar medicinalmente. É questão de pesar os riscos e avaliar a real necessidade.

Por conta de problemas como esse é que lutamos contra  proibição da maconha. É completamente insano que o melhor medicamento do planeta seja proibido por pura ignorância, preconceito e interesses financeiros. Juntos nós vamos conseguir legalizar a cura do câncer no Brasil!

A MACONHA CURA O CÂNCER!

 

Anúncios

15 respostas em “Óleo de Maconha: a cura do câncer

  1. Pingback: Mãe dispensa quimioterapia e escolhe maconha para tratar o câncer de seu filho de 3 anos | CHARAS

  2. Pingback: Maconha x Quimioterapia | CHARAS

  3. Pingback: Pequena Dahlia e sua luta contra o câncer | CHARAS

  4. Pingback: Mykayla Comstock, a guerreira que venceu o câncer com ajuda da maconha | CHARAS

  5. Pingback: Pro Cânhamo

  6. Pingback: Entenda como o THC ajuda a eliminar as células cancerígenas por completo | CHARAS

  7. Pingback: MÃE DISPENSA QUIMIOTERAPIA E ESCOLHE “MACONHA” COMO TRATAMENTO PRO SEU FILHO DE 3 ANOS DE IDADE | Pro Cânhamo

  8. Pingback: Mãe brasileira escolhe a maconha pra tratar filha de 5 anos com epilepsia | CHARAS

  9. Pingback: Justiça libera importação do óleo de maconha para tratamento medicinal | CHARAS

  10. Pingback: Flória se torna o 22º estado americano a regulamentar a maconha medicinal | CHARAS

  11. Pingback: CDB também é maconha, e pode ser produzido em casa | CHARAS

  12. Pingback: Como fazer o óleo de maconha em casa | CHARAS

  13. Pingback: Maconha x Quimioterapia » Maconha Medicinal

  14. Pingback: Entourage Effect: a comitiva de canabinóides | CHARAS

  15. Pingback: Por dentro da etiqueta azul | CHARAS

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s