Irlanda caminha para legalização da maconha medicinal

 A Irlanda está introduzindo regulamentos que permitirão tratamentos médicos à base de maconha, anunciou recentemente o Departamento de Saúde do país.

Medicamentos como Sativex – um spray oral derivado de maconha feita pela GW Pharma – já estão disponíveis em vários países europeus para pacientes com esclerose múltipla, por exemplo, mas na Irlanda ainda precisa de autorização especial.

Embora os órgãos reguladores da saúde tenham recomendado a aprovação do Sativex a cerca de dois anos, as mudanças legais que a fim de permitir esse tipo de  farmacêutico serão implementadas somente nas próximas semanas.

“A pesquisa em curso sobre os benefícios da maconha medicinal e seu extrato como medicamento – com base na maconha para os sintomas da EM (Esclerose Múltipla) tem mostrado a eficácia de tais tratamentos para aliviar espasticidade, distúrbios do sono, dor e outros sintomas associados com a EM”, disse Ava Battles, executiva – chefe da organização Esclerose Múltipla Irlanda.

“A EM Irlanda acredita que os pacientes devem ter acesso a todos e quaisquer tratamentos adequados e licenciados que iriam melhorar ou ajudar na gestão de sua condição.”

Sativex foi submetido a uma série de ensaios clínicos como um tratamento para sintomas relacionados com a EM. Cerca de 8.000 pessoas na Irlanda sofrem dessa condição.

A droga é vendida em farmácias com prescrição médica, de acordo com funcionários da Autoridade Reguladora Produtos de Saúde.

De qualquer forma, vale lembrar que apesar de os medicamentos à base de maconha estarem em processo de legalização, a planta em si ainda permanecerá proibida sob a nova lei. O que é uma pena, pois o auto cultivo é uma questão crucial para o tratamento médico com maconha, principalmente quando se trata da utilização dela como medicamento.

É claro que o Sativex jamais poderá ser comparado com a planta in natura, pois o tratamento direto com a planta é muito mais eficaz, porém é um primeiro passo. Em um governo cujo Ministro da Saúde anunciou recentemente que a maconha é a “porta de entrada” para outras drogas, esta mudança de ventos é no mínimo animadora! Pelo menos a Irlanda está dando um passo pra frente, na direção da legalização, enquanto o Brasil continua negligenciando tratamento digno para quem  precisa.

via Irish  Examiner

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s